Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Animus Semper

Associação dos Antigos Alunos dos Seminários da Diocese de Portalegre e Castelo Branco

Os nossos dias

30.09.21 | asal

unis 1.jpg

- Já viram? Há semanas em que o blogue só traz aniversários!... E a culpa desta pobreza é do António Henriques, que não se mexe à procura de temas e textos interessantes.

- Claro, quem assume uma tarefa é responsável! Agora, a questão é saber se ele assume a tarefa sozinho ou se os outros também estão metidos ao barulho...

Por mim, já não me incomodam os julgamentos negativos. Assumo a minha insignificância e nem tenho problemas de consciência, esta menina que nos acompanha sempre e nos vai falando do bem e do mal que fazemos. Com ela vou-me dando bem, o que me ajuda a dormir que nem uma pedra. Só não acontece quando um sonho mais violento me leva a dar um pontapé no vazio ou até a cair da cama para fugir de algum monstro!

Três situações me levam a esquecer um pouco o nosso "ANIMUS SEMPER":

1 - Andar ocupado com outros compromissos sociais que fazem parte da minha história, como é o caso da Casa do Educador do Seixal e da Unisseixal;

2 - Andar mais ocupado com a minha família por acontecimentos extraordinários, uns agradáveis e outros menos bons;

3 - Passar períodos em que não me apetece sair da moleza diária (o "dolce far niente"!), do deixar passar o tempo sem me interessar por nada, coisa que acontece depois de dias muito ou demasiado cheios... E assim sou eu, que Deus me perdoe...

É este menino que se apresenta, por isso já sabem o que esperar dele... Se me substituirem, eu fico grato, mas sempre colaborante, fiquem descansados.

Hoje o tema do escrito nem era este, mas começou assim. O que trago para aqui é a inauguração das novas instalações da Unisseixal no Fogueteiro, uma obra digna de admiração pelas condições que oferece aos seniores do concelho. A Câmara Municipal do Seixal investiu a bonita quantia de 2.400.000 euros na recuperação de um antigo lagar e seus anexos, uma área de 2000 metros quadrados, agora com um 1.º andar, e ofereceu a obra à Casa do Educador, uma IPSS que eu vi nascer em colaboração com outros. E dela nasceu depois esta universidade sénior. Para mim, foram 13 anos de labor e sabor...

Não conheço caso igual em Portugal e até agradeço que escrevam para aqui a contar como as vossas Câmaras atendem as necessidades dos seniores, que querem continuar a viver aprendendo e convivendo.

Em pormenor, já descrevi noutro lugar os espaços que agora sabem a tinta nova e mobiliário acabado de chegar das fábricas. Para os interessados aqui fica o link:

https://www.unisseixal.org/2021/09/18/novos-espacos-da-unisseixal/ 

Decorrem por estes dias as matrículas. Eu também já me inscrevi como aluno e foi-me dito que já agendaram por telefone a sua inscrição mais de 700 pessoas. Coisa bela, sem dúvida!

Assim continuamos a viver. Há muita vida por aí e cada um resolve como pode os seus problemas. Há pouco tempo, um amigo dizia-me que passava os dias num centro social em Lisboa, indo e vindo na carrinha que lhe chegava à porta. Outro modo de viver... Mas continua, mesmo assim, à espera dos almoços na Parreirinha de Carnide.

Ligações afetivas que nos prendem aos dias.

António Henriques

Unis2.jpg

Unis3.jpg

 

2 comentários

Comentar post