Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Animus Semper

Associação dos Antigos Alunos dos Seminários da Diocese de Portalegre e Castelo Branco

Direito à memória

29.07.19 | asal

Gavia10.jpg

 

Todos temos direito à memória, um património indispensável para a nossa estruturação, dizia o Alves Jana no Gavião. Nós aqui também assumimos o dever de avivar essa memória, para o passado consolar o nosso presente.

 

Por isso, trago para aqui dois testemunhos: 

 

1 - do António Colaço:

GAVIÃO, MEMÓRIAS E CHÃO

Colaço4.jpg

A casa onde nasci é, desde há alguns anos, um parque de estacionamento.

O Seminário onde iniciei, com mais quarenta e um colegas, os meus estudos, é, desde há alguns dias, um montão de ruínas, em planeada demolição.

Alves Jana, com a edição do seu livro "O Meu Seminário", fez com revisitasse a minha terra natal.

De que terra somos, quando já sem qualquer chão, apenas as memórias parecem serem o único lugar habitável?!

Foi isso que quis dizer na apresentação, mas que o atropelo da emoção tornou inviável.

 

2 - Do António Manuel Silva:

O RESGATE DE MEMÓRIAS DO SEMINÁRIO

Tó Manel2.jpg

Foi no GAVIÃO, como não podia deixar de ser, que José Alves JANA quis apresentar o seu livro “ O meu Seminário (1963-1974)” tendo convidado o amigo e companheiro antigo de muitas e animadas aventuras de juventude por terras do Alto Alentejo e outras, António COLAÇO, para presidir à sessão, no dia 27/07, na Biblioteca Municipal do Gavião.
Com a sala composta, onde o Presidente da Câmara do Gavião, José PIO, fez questão de estar presente, decorreu uma conversa simples, esclarecedora e bem-humorada onde, mais que falar do livro, se resgataram memórias que o A. COLAÇO, qual mágico improvisado, fez saltar do seu baú de recordações e que outros “artistas” convidados escavaram no mais fundo das suas recordações como foi o caso do próprio JANA, do ZÉ PEDRO, do MANUEL DOMINGUES e do ANTÓNIO MANUEL, quatro dos muitos jovens que passaram pelo Seminário do Gavião e ali quiseram também vir dar o seu testemunho garantindo estarem agradecidos e em PAZ com as suas memórias do seminário.
Foi assim…

1 comentário

Comentar post