Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Animus Semper

Associação dos Antigos Alunos dos Seminários da Diocese de Portalegre e Castelo Branco

IURD - de que se fala

05.01.18 | asal

«...Como a IURD deu e dará muita conversa e polémica, será bom termos uma ideia do que estamos a falar. Uma Igreja tão polémica - que nos invadiu recentemente - convém compreender as suas intenções mais profundas, para avaliarmos o logro de tantos que, por ignorância ou fraqueza, caem nas malhas de tão malfeitores. A superstição e a charlatanice sempre encontram terra fértil entre as pessoas mais simples e desesperadas da sociedade. Tão dura para muitos, pobres e ignorantes.», diz o Florentino.

Eu também acho que vale a pena debruçar-nos sobre o tema. Obrigado, Florentino! AH

Florentino.jpg

 

Igreja Universal do Reino de Deus

 (IURD)

 

Origem

No início, foi fundada, em 1977 a Igreja Mundial do Poder de Deus, por Edir Macedo e o seu cunhado, Valdemiro Santiago, no Rio de Janeiro – Brasil. Após a dissidência entre eles, em 1998, Macedo funda a sua igreja no Rio de Janeiro, numa pequena loja a qual denominou de "Igreja Universal do Reino de Deus". Edir Macedo nasceu em 1954 e é filho de pai comerciante.

As raízes da IURD encontram-se nas igrejas pentecostais - protestantes da América do Norte, onde existem Igrejas Pentecostais. (Pentecostes era a festa judaica das sementeiras, 50 dias após a Páscoa). Por esta razão, a IURD se denomina como Igreja neo - pentecostal. O seu centro é o Reino do Espírito Santo (Pentecostes-fim dos tempos) que se segue ao reino do Pai (Antigo Testamento-criação do mundo) e ao do Filho (Novo Testamento-redenção). Por esta razão, os fiéis desta igreja são batizados, por imersão, no Espírito Santo.

Trata-se, portanto, de um movimento protestante que pretende uma renovação dentro do cristianismo. A ênfase da sua doutrina, como protestante, tem como foco a experiência direta e pessoal de Deus, através da Bíblia.

A IURD, apesar de ter nascido no Rio de Janeiro, mudou a sua sede, em 2014, para a cidade de S. Paulo, onde construiu o grande Templo de Salomão (entre 2010-2014), à imitação do antigo templo do reino de Israel. Por esta razão, a maior parte das pedras deste edifício vieram de Israel. Este enorme edifício ocupa 70.000 m2, 16 campos de futebol. Alberga 10.000 fiéis.

Segundo Edir Macedo, os fiéis devem provar a sua fé através do dinheiro – a dízima - que doam à IURD. Deste modo, foram nascendo os milhões que tornam esta igreja um potentado económico, espalhada por 180 países. No Brasil, além da riqueza material, controla a política do país. Os vereadores – deputados - são escolhidos pelos bispos.

 

A doutrina

A IURD acredita na Trindade de Deus, salvação pela fé, em Jesus Cristo, na vida eterna, na infalibilidade da Bíblia, no céu, no inferno e no juízo final, batismo por imersão no Espírito Santo, cura divina, Ceia do Senhor, dízima e ofertas, imposição das mãos para curar e nos demónios que povoam as pessoas e o mundo. É contra as imagens das igrejas (Macedo pontapeou uma imagem da Virgem, em público), crê no nascer de novo, testemunhos dos fiéis miraculados na IURD, dar novo sentido à vida aos desempregados, divorciados, doentes, prostituição, drogas, toxicodependentes. HIV..

Todos estes males são devidos ao poder do demónio nas pessoas.

Deste modo, a IURD tira a responsabilidade às pessoas porque é ao diabo que cabem todos os males das pessoas. Uma doutrina reducionista. Poder mágico, superstição.

 

Os Símbolos

Um coração vermelho com uma pomba branca. Significa o Espírito Santo no Coração de cada pessoa. O candelabro judaico (menorá) e uma cruz.

O slogan mais usado nas suas celebrações é o seguinte; pare de sofrer…Jesus Cristo é o Senhor.

As suas reuniões acontecem nas 2ªs feiras, para o progresso financeiro dos fiéis, já convertidos. Nas 4.ªs e domingos, para todos, à procura do Espírito Santo, nas 6ªs para libertação dos possessos do demónio. Acreditam ainda na Fogueira Santa de Israel, onde depositam os seus pedidos de prosperidade financeira - bens materiais. Os pedidos são queimados e enviados para Israel. “Quem der tudo à IURD, receberá tudo de Deus” (Edir Macedo)

Neste momento, estão ao serviço de cerca de oito milhões de fiéis, espalhados por 180 países, e contam com 320 bispos e 14.000 pastores e obreiros.

A principal fonte de riqueza da IURD são as televisões (Record), as 78 rádios, a internet, espalhadas por todo o mundo, e ainda algumas revistas e livros escritos por Edir Macedo e bispos da igreja. Tem 6.000 templos, incluindo Portugal, porta aberta para a Europa.

Não têm faltado denúncias criminais a Edir Macedo pelas suas polémicas práticas de extorquir dinheiro (dízima).

Em Portugal, são acusados pelo roubo de crianças, entregues aos pastores da IURD que não podiam ter filhos, por ordem de Macedo. Tal facto muito se tem denunciado, nomeadamente, a TVI, que fez deste caso uma reportagem contundente. A polícia judiciária já se encontra a investigar vários casos polémicos de mães que ficaram sem os seus filhos.

Edir Macedo, no Brasil, já foi preso acusado de charlatanice, curandeirismo, em Maio de 1992.

Edir governa a sua igreja com mão militar. Uma espécie de exército. Os seus bispos vão de um lado para o outro “apenas com as suas esposas e uma mala na mão”.

Tem projetos sociais sobretudo em África e em alguns países pobres, como já teve em Portugal, com infantários ilegais, de onde retirava ilegalmente crianças para os bispos e pastores da igreja.

Florentino Beirão

Jan.2018

TRABALHO VOLUNTÁRIO

05.01.18 | asal

O João vai falar da sua vida nos tempos de agora, ele que ocupa o seu tempo no associativismo de Sacavém. AH 

 

O MEU TESTEMUNHO

João Antunes2.jpg

 

 

O sentimento cristão de ajudar o próximo é bom e necessário. Estamos a viver numa sociedade que cada vez é mais desigual no que toca à situação económica em que uns têm muito e outros têm quase nada.

Daí e perante o quadro que se apresenta, surgem ideias do trabalho voluntário em que cada um dá e ajuda o outro a diminuir as dificuldades sociais.

Os voluntários, que não dão somente o seu tempo e a sua generosidade, respondem ao apelo humano de diversas formas: ajudam, aliviam os sofrimentos, dividem alegrias e tristezas, mas tentam melhorar a qualidade de vida dos necessitados.

E, ao nos preocuparmos por estas causas de interesse social e comunitário, estamos a estabelecer laços de solidariedade e confiança que nos protegem nestes tempos difíceis.

A sociedade fica mais integrada e nós, seres humanos, tornamo-nos melhores!!

Estes batalhões de gente disposta a prestar serviço voluntário sem receber dinheiro, recebe outra compensação para si próprio, faz amigos, arranja experiências, diverte-se e auxilia o próximo.

Por isso, a luta contra a pobreza e a exclusão social é um dos grandes desafios dos anos mais próximos. E quantos mais participantes se envolverem maior será o sucesso.

Estas ações de voluntariado ganham mais sentido quando enquadradas numa organização coletiva, embora o voluntariado individual se manifeste entre pessoas bondosas e que se regem por impulsos de dedicação aos outros, quando têm disponibilidade.

Num sistema organizado, há necessidade de garantir que o voluntariado funciona e para tal exige-se:

- Que o voluntário, ao integrar-se na missão de uma organização, assuma as tarefas e os ritmos de horários;

- Que exerça as tarefas com competência e não apenas com boa vontade;

- Que se relacione com os outros membros da organização e não gere sistemas desgarrados.

Estes requisitos são fundamentais numa ação qualificada e eficaz na luta contra a pobreza e a exclusão social.

Estas ações muito necessárias nos tempos que correm devem envolver cada vez mais gente.

 

João Antunes

CIRCULAR-CONVITE

03.01.18 | asal

 

LOGÓTIPO.png

ASSOCIAÇÃO DOS ANTIGOS ALUNOS DOS SEMINÁRIOS DA DIOCESE DE

PORTALEGRE - CASTELO BRANCO

COMISSÃO ANTIGOS ALUNOS SPCB

(comasalpcb@gmail.com)

(asal.mail@sapo.pt)

 

CIRCULAR

 

ENCONTRO - CONVÍVIO DE 03 DE FEVEREIRO DE 2018

(SÁBADO)

 

Local do Encontro: Congregação das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da

Imaculada Conceição, Rua Madre Maria Clara, 1- Linda - a - Pastora

 

Caros Amigos,

 

O nosso primeiro Encontro deste ano de 2018 vai ter lugar no dia 3 de fevereiro (sábado), na Congregação das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição, em Linda-a-Pastora, onde também se realizaram os encontros dos anos anteriores, e tem início pelas 11H00 com o seguinte

 

P R O G R A M A

 

11H00 – Concentração e cumprimentos nos jardins do Convento

12H30 – Missa na Capela do Convento

13H30 - Almoço

15H00 – Sessão com a seguinte Ordem de Trabalhos:

 

  1. Ponto de situação relativamente ao Encontro de 19 de maio de 2018, no Seminário de Portalegre.
  2. Microcrédito: o direito à cidadania económica por José Centeio.
  3. Apresentação do livro “Salazar e a Escola Primária” da autoria do Florentino Beirão, a cargo do João Oliveira Lopes, seguida de debate com a presença do autor.
  4. Diversos – Temas livres.

 

17h30 – Café e chá com bolos, no bar.

18H00 – Encerramento.

 

O preço é de 15,00 €, per capita.

 

NOTA: Neste ano de 2018 não foi possível agendar o Encontro para o último sábado de janeiro, como habitualmente, por indisponibilidade das instalações, motivo pelo qual se alterou para o sábado seguinte, dia 3 de fevereiro.

 

Inscrições, até 01-02-2018, por e-mail, facebook ou para qualquer dos seguintes elementos da comissão: Heitor 967 421 096 –Nogueira 919 482 371-Pires Antunes 919 414 179 - A. Henriques -917 831 904- Mendeiros 969 015 114.

 

Saudações Associativas com votos de um bom ano novo.

Lisboa, 03 de janeiro de 2018

A Comissão

PARABÉNS, DUARTE!

03.01.18 | asal

ANIVERSÁRIO

Duarte Nuno.jpg

 

Hoje é a vez do Duarte Nuno Tapadas, da Comenda, que nasceu em 1973, passou pelos seminários, cursou Filosofia e vive ligado ao ensino no Colégio Miramar, ali para as bandas da Ericeira.

PARABÉNS, AMIGO POR MAIS UMA PRIMAVERA!

Que a vida te sorria, haja saúde e felicidade.

Pergunta simples: quando apareces? 

Não temos contacto telefónico.

 

 

 

CURIOSIDADES

02.01.18 | asal

rio Dragão.jpg

 

O João Vaz postou esta foto no Facebook com a legenda:

Linda Vista aérea do Rio Dragão azul em Portugal

 

Na minha ignorância, perguntei:

- Em Portugal? Onde é isto?

Diz o João: - Não faço ideia...

 

Então, fui à descoberta. E descobri! É uma barragem...

Mas não deixa de ser um fenómeno insólito...

 

 «Esta barragem em formato de um dragão está a gerar uma onda de comentários, positivos claro, e há até quem a coloque no topo de prioridades para uma viagem, tamanha é a curiosidade. A Barragem de Odeleite, no Algarve, está a inundar as redes sociais, onde é partilhada para obter boa sorte. O principal motivo? Vista de cima, a ribeira parece mesmo um dragão azul. (Entenda-se que para alguns povos, um dragão azul, é sinónimo de sorte!)


Situado no concelho de Castro Marim, o Rio de Odeleite possui uma beleza natural inconfundível. Devido as múltiplas curvas tornam muito fácil entender por que é muitas vezes é apelidado de "Dragão Azul".» (Da Internet)

CONSTRUIR A PAZ

02.01.18 | asal

Hoje, 1/01, é dia mundial da paz

Pissarra.jpg

 

A sua construção é uma tarefa de todos e de cada um de nós. Talvez o nosso contributo seja um minúsculo tijolo ou uma colher de sopa de cimento: pequenos gestos e atitudes. Mas nesta construção até um pequeno grão de areia é fundamental e bem-vindo.

Todos precisamos de aprender a oração de São Francisco de Assis. Parece que alguns, ou por dificuldades de aprendizagem ou por que tiveram maus professores, a aprenderam ao contrário.

Deixo-vos um pequeno excerto da última crónica do meu amigo Frei Bento no DN:

"Por desgraça, ensinaram a Donald Trump a oração de S. Francisco ao contrário: onde houver paz, que eu leve a guerra; onde houver amor, que eu leve o ódio; onde houver perdão, que eu leve a ofensa; onde houver a união, que eu leve a discórdia; onde houver a verdade, que eu leve o erro, a mentira; onde houver esperança, que eu leve o desespero; onde houver alegria, que eu leve a tristeza; onde houver luz, que eu leve as trevas.

D. Trump parece ter uma paixão especial pelo caos. Sem a promoção da desordem mundial, sem fazer sofrer, sem fazer chorar, não sabe o que fazer como Presidente dos EUA, um cego guia de muitos cegos.

Não vale a pena diabolizar este senhor da guerra e do comércio das armas. É preferível que todos os cristãos, fundamentalistas ou não, o saibam ajudar a descobrir a verdadeira oração de S. Francisco: onde houver guerra, que eu leve a paz. É muito melhor para todos!"

Bom Ano!

Mário Pissarra

FAZEM ANOS HOJE

01.01.18 | asal

ANIVERSARIANTES com pressa de viver... Logo no 1.º do Ano!... 

alberto.jpg

 

PARABÉNS, ALBERTO!

Para ti, Alberto Ribeiro, vão os nossos parabéns de aniversário, com votos de um novo e feliz ano, com saúde e alegria, que se prolongue por muitos mais.

O Alberto, é da Sarnadinha, Castelo Branco, trabalhou na Lisnave e presentemente está na Livraria IBEZ, vivendo em Lisboa. Com facilidade vai estar no nosso Encontro de Linda-a-Pastora.

Contacto:  tel. 933 266387

 

 Também hoje fazem anos mais dois amigos:

- a Maria José D. Lopes, esposa do João Oliveira Lopes ( tel. 914 334 422) (não temos foto)

 

- e o AlexIMG_1449 - Cópia.jpgandre Lourenço Nunes (tel. 919 438 889), que tem dado muito do seu trabalho nos nossos encontros. Sempre presente e colaborador, vem de Castelo Branco a Lisboa para se misturar com os convivas.

 

 

Aos dois, aqui deixamos um abraço de amizade, com muitos parabéns e votos de longa vida, cheia de alegrias. 

 

NOTA: Mais aniversários: NO 1º DIA DO ANO, FAZ TAMBÉM ANOS O Sr. CÓNEGO JOSÉ DA GRAÇA. PARABÉNS PELOS 75 E UM ABRAÇO. (esta informação chega-nos pelo Fernando Cardoso Leitão Miranda, a quem agradecemos).

Pág. 4/4